Kids Dream

Proposta Pedagógica

Com uma Proposta Pedagógica Sociointeracionista, estruturada, principalmente, sob as teorias pedagógicas dos clássicos pensadores da educação Jean Piaget, Lev Vygotsky e John Dewey, articuladas ainda com as ideias clássicas de Montessori e Paulo Freire, a Kid’s Dream está centrada no desenvolvimento integral da criança como cidadã, como uma pessoa com identidade única e como participante do seu próprio desenvolvimento humano, físico, psicológico, intelectual e social.  

Para isso, a Proposta Pedagógica da Kid’s Dream respeita a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), instituída na Resolução CNE/CP 2/2017 do Conselho Nacional de Educação. Assim, a formação educacional proposta pela Kids Dream aos seus educandos é estruturada a partir de competências desenvolvidas pela mobilização de conhecimentos, habilidades, atitudes e valores para vencer os desafios da vida cotidiana, do exercício da cidadania e do mundo do trabalho.

De igual forma, a Kid’s Dream, reconhece como na BNCC de que a “educação deve firmar valores e estimular ações que contribuam para a transformação da sociedade, tornando-a mais humana, democrática, inclusiva, socialmente justa e voltada à preservação da natureza”.

Portanto, a Kid’s Dream compromete-se e mobiliza-se para sempre contribuir com o desenvolvimento das competências dos seus educandos, articulando ainda o ensino de atitudes e de valores aos mesmos, observando e mobilizando nestes seus educandos às competências gerais da educação básica definidas na BNCC.

Além disso, a Kid’s Dream reconhece junto aos seus educandos, todos os direitos de aprendizagem e de desenvolvimento para a promoção da educação infantil, firmados na BNCC, comprometendo-se e mobilizando-se para garantir o alcance destes pelos mesmos, mediante a prática de aprendizagens que lhes permitam como educandos:

  • Conviver com outras crianças e adultos (professores e educadores), respeitando as suas diferenças;
  • Brincar de diversas formas, em diferentes espaços e tempos, com crianças e adultos (educadores), enriquecendo a sua imaginação, criatividade e às suas experiências emocionais, corporais, sensoriais, expressivas, cognitivas, sociais e relacionais;
  • Participar com outras crianças e adultos (professores e educadores) do planejamento das atividades auxiliando na escolha de brincadeiras, materiais e ambientes, desenvolvendo diferentes linguagens, conhecimentos e decisões;
  • Explorar-se em movimentos, gestos, sons, formas, texturas, cores, palavras, emoções, relacionamentos, histórias, objetos, elementos da natureza, aumentando os seus saberes culturais, artísticos e tecnológicos;
  • Expressar-se, como pessoa dialética, criativa e sensível às suas necessidades por meio de diferentes linguagens;
  • Conhecer-se para assim construir a sua identidade pessoal, social e cultural.